Notícias Mundo

Sinema tem um grande acordo de infraestrutura entre partidos e sofre com a oposição dos democratas

“Eu diria:” É inaceitável desistirmos aqui “, disse ela à CNN. “Tome uma taça de vinho.”

O acordo é o culminar da carreira de oito anos de Sinema no Congresso. Como uma importante negociadora do Senado-Democrata, ela estava em contato constante com Biden por telefone ou sentou-se em frente a ele no Salão Oval.

Esses progressistas disseram que a Lei Sinem agora aprovada no Senado é apenas a ofensa mais recente, depois de ter defendido publicamente a obstrução e se oposto ao preço de US $ 3,5 trilhões para expandir a rede de seguridade social.

Steven Slugocki, ex-presidente do Partido Democrático de Maricopa, com sede no Arizona, disse que, embora Sinema tenha prometido “fazer as coisas”, “até agora não cumpriu essas promessas” e disse que o projeto “não vai longe o suficiente para isso ocasião histórica ”.

“Seus eleitores estão frustrados, desapontados e zangados – e com razão”, disse Slugocki. “Os eleitores estão procurando liderança e ação, não mantendo as velhas e desnecessárias tradições do Senado. É hora de resultados reais. “

Sinema, no entanto, recebeu elogios entusiásticos de muitos de seus colegas; o negócio é de US $ 550 bilhões em novos gastos federais de grupos empresariais e trabalhistas unidos, como Câmara do Comércio e AFL-CIO.
Mas os aplausos para Sinema parecem mais altos à direita do que à esquerda. O título de um artigo recente do senador Thom Tillis, um republicano da Carolina do Norte, diz: “O acordo de infraestrutura do Senado é uma vitória para os não partidários, graças ao senador Sinema.” O editorial do Arizona Republic, que apoiava apenas presidentes republicanos antes de Donald Trump, falou à esquerda em um novo artigo, escrevendo que “pode ​​ser hora de os fãs cuspidores de fogo considerarem se, talvez, o primeiro democrata a ganhar um Senado dos EUA assento. no Arizona, daqui a 30 anos, ele realmente sabe o que está fazendo. ‘

Garrick Taylor, um alto funcionário da Câmara de Comércio do Arizona, disse à CNN que o projeto continha uma série de vitórias: expandir o acesso à Internet de alta velocidade, modernizar as estações de fronteira ao longo da fronteira EUA-México e melhorar a tecnologia de auxílio à água. A State House tuitou um “obrigado” a Sinema, observando que o projeto de lei não aumentava os impostos para “criadores de empregos”.

O relacionamento de Sinema com os republicanos acabou sendo crucial quando o líder da maioria no Senado, Chuck Schumer, anunciou que forçaria a votação do projeto na semana passada antes de redigi-lo ou até mesmo de chegar a um acordo.

Significado.  Kyrsten Sinema (à direita) e Joe Manchin chegaram a uma reunião de infraestrutura entre duas partes no mês passado.

Os republicanos denunciaram a decisão, dizendo que o grupo não estava pronto. Sem o apoio de 10 republicanos, a lei travou. Quando questionada pelos repórteres sobre o que iria fazer, Sinema respondeu que apenas continuaria a trabalhar como se nada tivesse mudado.

“O que as outras pessoas fazem é menos importante do que o que fazemos”, disse ela.

A senadora republicana do Alasca Lisa Murkowski, membro de um grupo multipartidário, disse que Sinema desempenhou um papel fundamental no avanço das negociações.

“Ficamos presos algumas vezes e começamos a reconsiderar casos que foram resolvidos há muito tempo – e ela apenas disse ‘pare’, disse Murkowski. – Ela causou isso.

A Casa Branca também gostou da abordagem de Sinema. Segundo vários dirigentes, a equipe de Biden trabalhou nas primeiras semanas de governo para conhecer o senador do primeiro mandato. Ela simplesmente não era tão conhecida como mercadoria quanto o senador da Virgínia Ocidental Joe Manchin, outro democrata centrista e crítico no Senado 50-50, disseram eles. Mas seu papel no clube dos democratas não era segredo.

“Desde o primeiro dia, ficou claro que sempre tínhamos que nos certificar de que sabíamos o paradeiro do senador Sinema, não importa qual fosse o problema”, disse um funcionário do governo.

O teste veio em janeiro, quando a vice-presidente Kamala Harris entrevistou estações de televisão locais em West Virginia e Arizona para divulgar as leis emergentes de ajuda da Covid. Os democratas no Capitol viram isso como um esforço deliberado para pressionar Sinema e Manchin a apoiar o projeto. Manchin expressou rapidamente sua insatisfação com o governo por não tê-lo contatado antes. Em particular, Sinema não disse nada publicamente.

Essa decisão foi registrada na Casa Branca e serviu como uma janela para o que era um elemento-chave de seu relacionamento com Biden: ela iria compartilhar suas opiniões e, criticamente, garantir que a Casa Branca não se surpreendesse com sua posição sobre a libertação. Ele simplesmente não vai entrar na imprensa primeiro.

O presidente a contatou pessoalmente ou por telefone em momentos-chave nas negociações de infraestrutura: quando as primeiras negociações de Biden com os republicanos fracassaram, quando o arcabouço legal seria estabelecido em junho e quando Biden pareceu desafiar esse acordo amarrando sua mudança para uma nota separada de 3 notas. $ 5 trilhões.

Quando as negociações fracassaram esta semana, Sinema foi devolvido ao Salão Oval. O negócio foi fechado na quarta-feira

Sinema, de 45 anos, agora está recebendo elogios da direita, mas sua carreira começou há duas décadas no Partido Verde, durante a eleição presidencial de Ralph Nader em 2000. Ela então se tornou uma ativista anti-guerra em uma saia rosa e perdeu sua primeira candidatura para a Casa do Arizona como independente em 2002. Ela então concorreu como democrata em 2004 – venceu – e serviu lá até 2010 antes de saltar para o topo. senado estadual.

Alejandra Gomez, uma ativista progressista do Arizona Center for Empowerment, disse à CNN que se lembra de Sinema trazendo uma pizza para ela em 2010, organizando um protesto contra um projeto de lei estadual que permitia à polícia verificar o status de imigração de uma pessoa se houvesse “suspeita razoável”. “Que a pessoa residia ilegalmente nos Estados Unidos. Os críticos dizem que a lei levou à discriminação racial.

“É um Sinema completamente diferente do Sinema que estava conosco quando protestou contra o SB 1070 em 2010”, disse Gomez, referindo-se à rígida lei de imigração do Arizona que levou muitos ativistas da democracia no estado a protestar contra esta solução. “Só de ver essa transformação foi incrivelmente decepcionante.”

Em 2012, Sinema competiu no competitivo bairro de House, nos subúrbios de Phoenix, ganhou e se juntou aos comitês centrais do Congresso. Ela votou contra a representante da Califórnia, Nancy Pelosi, como líder da Casa Democrata e construiu uma reputação de trabalhar por toda a parte no Comitê de Serviços Financeiros.

Naquela época, representante.  Kyrsten Sinema e o representante de John Barrow partiram, vistos fora do Capitólio em maio de 2014 em Washington.

Mas ela também tinha um histórico que atraiu a esquerda quando saiu de suas raízes empobrecidas e, em 2018, Sinema se tornou o primeiro democrata no Arizona a ser eleito senador desde que Dennis DeConcini foi reeleito em 1988. seja uma mulher, abertamente bissexual, e defina sua religião como “nenhuma”.

Seu discurso de vitória fez uma forte referência ao falecido republicano do Arizona John McCain, que morreu alguns meses antes de sua eleição e agora passa uma quantidade considerável de tempo votando com colegas republicanos em vez de sentar-se com os de seu próprio clube democrata.

Em alguns aspectos, o estilo contundente de Sinema e sua propensão para organizar seu próprio partido imitam McCain.

Mas sua postura centrista enfureceu alguns democratas que afirmam que o país enfrenta uma série de crises – escassez de água, mudança climática, despejos – com as quais é incapaz de lidar.

Sinema é um dos membros mais sinceros quando se trata de preservar a obstrução que impede mudanças radicais ao forçar 60 votos a favor da maioria das leis. A imagem de seu voto rejeitado para aumentar o salário mínimo como parte de um enorme projeto de lei de ajuda à pandemia em março também despertou a ira da esquerda.

Eu me oponho à emissão de uma conta de US $ 3,5 trilhões para financiar iniciativas climáticas, jardins de infância universais e estudos comunitários, estabelecer licença familiar e de saúde paga, estender crédito fiscal para crianças e adicionar benefícios odontológicos, visuais e auditivos ao Medicare e muitos outros. sugestões. Está aberto ao orçamento, mas não para uma conta que custa tanto.

“Achei que os democratas concordassem, mas aparentemente não”, disse a senadora Elizabeth Warren por Massachusetts.

Alguns democratas estão procurando alguém para fazer campanha contra Sinem enquanto ela concorre à reeleição em 2024.

“Se precisarmos encontrar um novo candidato, estamos prontos para isso no Arizona”, disse Gomez.

Vários estrategistas que ajudaram a lançar a conturbada campanha de Alexandria Ocasio-Cortez em Nova York em 2018 já almejaram o senador com um novo PAC chamado Sem desculpas. Corbin Trent disse à CNN que a PAC planeja colocar no ar anúncios digitais e de rádio na próxima semana.

“Vamos começar a crescer e garantir que as pessoas saibam o quão pouco ela se preocupa não apenas com o Arizona, mas com este país”, disse Trent.

Leave a Comment