Famosos

Anitta lança perfume para lucrar com polêmica sobre tatuagens íntimas

Anitta encontrou uma forma de lucrar com as tatuagens íntimas que fez. Nesta quinta-feira, 28, a cantora revelou uma parceria com a farmacêutica Cimed para a fabricação e comercialização de um perfume íntimo, a colônia Puzzy by Anitta. Segundo a artista, a embalagem da fragrância terá os desenhos feitos em seu corpo. “Para você que tem muita curiosidade de saber como é a tatuagem de milhões, vem aí, amor”, declarou a artista.

Sem citar nomes, Anitta relembrou o barulho feito na mídia pelo sertanejo Zé Neto, da dupla com Cristiano, que criticou a tatuagem íntimas da cantora, que havia atingido o primeiro lugar das paradas mundiais do Spotify com Envolver à época. A repercussão da crítica à estrela do pop fez com que fossem descobertos contratos milionários de prefeituras de cidades interioranas com artistas sertanejos, revelando um suposto esquema de desvio de verba pública. “Chegou a minha hora. Em breve meu perfume íntimo à venda nesse Brasil todo”, celebrou Anitta no Twitter.

De acordo com o site Meio & Mensagem, o perfume Puzzy terá 500.000 unidades disponibilizadas com um preço que deverá variar entre 70 e 100 reais, e a Cimed projeta um faturamento de 40 milhões de reais em vendas, com parte dos lucros destinada à cantora.

Leave a Comment